Ano 4 Nº 229 30/11/10

Comissão quer viabilizar os plantões médicos nas maternidades goianas

 

Representantes do Cremego, da Associação dos Hospitais do Estado de Goiás (Aheg), da Sociedade Goiana de Ginecologia e Obstetrícia e do Sindicato dos Médicos no Estado de Goiás (Simego) vão buscar soluções para viabilizar o cumprimento da resolução número 1834/2008 do Conselho Federal de Medicina (CFM) que determina a manutenção de plantões médicos durante 24 horas diárias nas maternidades. Atualmente, a maior parte das maternidades goianas não cumpre essa determinação, que foi debatida por diretores, conselheiros, representantes dos médicos e dos hospitais em uma sessão plenária especial realizada no Cremego no dia 25 de novembro e presidida pelo vice-presidente do Conselho, Adriano Alfredo Brocos Auad.

Por quase três horas, todos avaliaram os problemas que vêm dificultando a oferta de plantões 24 horas nas maternidades. Entre as principais dificuldades apontadas estão a baixa e, até mesmo, a falta de remuneração desse serviço pelos compradores de serviços de saúde. Os médicos criticaram os convênios que vendem aos usuários uma assistência médica durante 24 horas diárias, mas não proporcionam aos hospitais e à classe médica as condições necessárias para a prestação desse serviço

O presidente da Aheg, Fernando Antônio Honorato da Silva e Souza, explicou que a maioria dos hospitais enfrenta dificuldades financeiras para cumprir a exigência dos plantões presenciais, que onera muito os custos dos estabelecimentos. “Mas é uma resolução e uma resolução não se discute, se cumpre”, disse, acrescentando que é preciso encontrar soluções que viabilizem o cumprimento da norma em vigor desde 2008.

Para buscar essa solução, foi aprovada a criação da comissão formada por representantes do Cremego, da Aheg, do Simego e da Sociedade Goiana de Ginecologia e Obstetrícia. Segundo o vice-presidente do Cremego, a comissão vai discutir e apresentar aos médicos e hospitais uma proposta que será encaminhada aos compradores de serviços de saúde, visando viabilizar a oferta de plantões médicos nas maternidades.

 

 

1ª Jornada Médica da Delegacia Regional do Cremego em Goiás será realizada nos dia 3 e 4

 

A relação entre os médicos e demais profissionais de saúde é um dos temas da 1ª Jornada Médica da Delegacia Regional do Cremego na cidade de Goiás, que será realizada na antiga capital nos dias 3 e 4 de dezembro. Promovido pelo Departamento Científico do Cremego com o apoio da Regional, o evento encerra o calendário de jornadas científicas realizadas nas regionais do Conselho em 2010.

A série de encontros, que visam a atualização profissional dos médicos goianos, teve início em março com a promoção da 1ª Jornada Médica de Itumbiara. Ao longo dos meses seguintes, o Cremego promoveu jornadas científicas em Catalão, Formosa, Mineiros, Iporá, Luziânia, Ceres, Porangatu, Rio Verde e Jataí. Em Anápolis, o encontro será realizado no início de 2011.

O diretor Científico do Cremego, Eduardo Alves Teixeira, explica que a programação de cada edição das jornadas é elaborada de acordo com as necessidades dos médicos da Regional e, além de proporcionar a atualização profissional dos participantes, o evento também contribui para uma maior aproximação entre os médicos da região e entre o Cremego e esses profissionais.

A 1ª Jornada Médica da Delegacia Regional do Cremego na cidade de Goiás será realizada no auditório do Hotel Vila Boa. A abertura do evento será nesta sexta-feira, dia 3, às 20 horas. Em seguida, o presidente do Cremego, Salomão Rodrigues Filho, fará uma palestra sobre a “Prevenção da Infração Ética e Legal”.

As palestras prosseguem no sábado, dia 4, a partir das 8 horas, quando o diretor da Fiscalização do Cremego, Ciro Ricardo Pires de Castro, vai abordar o tema “Relação entre Médicos e Demais Profissionais da Saúde”.

Das 9 horas às 9h30, o corregedor de Processos do Cremego, Lueiz Amorim Canêdo, vai enfocar o “Atendimento ao Trauma Abdominal Fechado”. Das 9h45 às 10h15, será a vez do corregedor de Sindicâncias, Rômulo Sales de Andrade, falar sobre o tema “Dor Torácica”.

Às 11 horas, após um intervalo, as apresentações serão retomadas com a palestra “Declaração de Óbito”, que será ministrada pelo diretor Científico do Cremego. Em seguida, encerrando o encontro, o médico Eduardo Camelo de Castro falará sobre “Urgências Ginecológicas”.

 

Internautas aprovam o novo site do Cremego

Mais da metade das pessoas que já participaram da enquete sobre o site do Cremego, que entrou no ar no último dia 23, aprovou o novo portal. O novo site, que segue o mesmo padrão adotado pelo Conselho Federal de Medicina (CFM), procurou facilitar o acesso dos usuários às notícias, artigos, pareceres, resoluções e serviços prestados pelo Cremego.
         Nos primeiros dias, o site registrou mais de 1 mil acessos. Entre os internautas que participaram da enquete, 51,9% consideraram o novo formato ótimo, 20,3% classificaram o novo portal como bom e 13,9%, como regular. O restante (13.9%) não aprovou as mudanças.
        Se você ainda não participou da enquete, acesse o site www.www.cremego.org.br e dê sua opinião. Sua participação é muito importante para que o Cremego possa aperfeiçoar a comunicação com os médicos e a sociedade

 

Parecer do Cremego é favorável à exigência
de notas fiscais de materiais pelos planos de saúde

 

Quem paga tem o direito de saber o que está pagando de maneira clara e transparente, mesmo porque a nota fiscal é documento fiscal obrigatório para cada produto especificado como órtese e próteses. É o que diz o Parecer Consulta número 2/2010 do Cremego sobre a solicitação pelos planos de saúde da apresentação de notas fiscais de órteses, próteses e materiais especiais pelos prestadores de serviços de saúde.

A legalidade dessa solicitação foi questionada pela gerente administrativa de uma empresa de prestação de serviços na área de cardiologia e radiologia intervencionista, que considera que a medida fere a ética empresarial e comercial e compromete o planejamento estratégico dos prestadores de serviços de saúde.

Para o conselheiro Reginaldo Bento Rodrigues, que assina o Parecer Consulta, é entendimento geral que quem paga tem o direito de saber o que está pagando. “Também é nosso entendimento que do ponto de vista ético profissional não há óbice em tal prática, mesmo porque também é nosso pensamento que tal assunto encontra mais amparo no Direito Comercial e Tributário do que neste foro ético profissional”, disse.

 

Cremego em RevistaAo longo desta semana, os médicos goianos estarão recebendo a 25ª edição do informativo Cremego em Revista, que traz matérias, um artigo, pareceres e resoluções de interesse da classe médica. Junto com a revista, os médicos também estão recebendo um exemplar de bolso do novo Código de Ética Médica, em vigor desde abril deste ano.

 

Prescrição – Está em vigor desde 28 de novembro a obrigatoriedade do uso de receituário de controle especial para a prescrição de antimicrobianos, inclusive os de uso dermatológico, ginecológico, oftálmico e otorrinolaringológico. De acordo com a RDC 44, de 26 de outubro de 2010, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), medicamentos, como amoxicilina, somente poderão ser prescritos em Receita de Controle Especial em duas vias. A validade da receita, que terá uma via retida pela farmácia, será de 10 dias, contados da data da prescrição. Para conferir a lista completa dos medicamentos citados na RDC 44, acesse o site do Cremego: www.www.cremego.org.br

 

 AGENDA MÉDICA

Direito Médico – Será realizado nos dias 2 e 3 de dezembro, em Brasília (DF), o I Congresso Brasileiro de Direito Médico do Conselho Federal de Medicina. Em pauta, temas como responsabilidades civil e penal do médico, danos moral e material ao paciente e constitucionalidade dos tratamentos compulsórios. Para conferir a programação completa, acesse www.www.cremego.org.br

 

Cursos de Clínica e Cirurgia do Aparelho Digestivo e de Endoscopia Digestiva – O 21º Curso Anual de Clínica e Cirurgia do Aparelho Digestivo e o 13º Curso de Endoscopia Digestiva do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Goiás serão ministrados no auditório do Cremego entre os dias 2 e 4 de dezembro. A programação tem início na quinta-feira, 2, a partir das 8 horas. Para mais informações, ligue (62) 7812 0709 e fale com Larissa.

 AGENDA CULTURAL

 Medicina em Concerto – O pianista Robervaldo Linhares apresentará o recital Música dos Pianeiros, nesta terça-feira, dia 30, às 20h30, no Teatro Asklepiós, da Faculdade de Medicina da Universidade Federal de Goiás (UFG). Ele vai interpretar peças de compositores, como Ernesto Nazareth, Zequinha de Abreu e Chiquinha Gonzaga. A entrada é franca e o acesso é pela Rua 235, no Setor Universitário.

 

Boletim Eletrônico – Ano 4 Nº 229 30/11/10
Edição: Rosane Rodrigues da Cunha
MTb 764 JP
Assessora de Comunicação – Cremego
www.www.cremego.org.br
imprensa@cremego.org.br

(62) 3250 4900

 

Aviso de Privacidade
Nós usamos cookies para melhorar sua experiência de navegação no portal. Ao utilizar o Portal Médico, você concorda com a política de monitoramento de cookies. Para ter mais informações sobre como isso é feito, acesse Política de cookies. Se você concorda, clique em ACEITO.