Rede dos Conselhos de Medicina
Selecione o Conselho que deseja acessar:
CREMEGO NA MÍDIA - Hábito de visitar o médico deve ser cultivado desde os primeiros momentos da vida

CREMEGO NA MÍDIA - O POPULAR

Hábito de visitar o médico deve ser cultivado desde os primeiros momentos da vida

Rotina ajuda a prevenir e a diagnosticar precocemente doenças

 

na mídia 05 02 18

Foi em uma consulta de rotina que a funcionária pública Helena Montenegro Colares Staciarini, de 43 anos, descobriu um câncer de tireóide. "Sentia muita dor nas pernas e na nuca, andava meio cansada. Relatei isso ao ginecologista e ele notou os nódulos no pescoço e me encaminhou para um endocrinologista", conta. O hábito de visitar periodicamente consultórios médicos, garante ela, foi fundamental para descobrir e tratar precocemente o problema.
Curada, Helena virou defensora de um hábito pouco cultivado pelos brasileiros - seja pela dificuldade de acesso, falta de tempo, medo, negação da doença ou pela baixa cultura preventiva -, que é o de procurar o médico antes de adoecer. "A visita regular tem o princípio de que a prevenção é melhor do que o tratamento da doença já instalada e, neste caso, o tratamento precoce é mais eficaz do que em fases mais avançadas de qualquer enfermidade", explica o médico Leonardo Reis, presidente do Conselho Regional de Medicina de Goiás (Cremego).
O presidente explica que, em qualquer especialidade médica, é importantíssimo procurar um profissional registrado no Conselho com a devida frequência e, assim que surgir algum sinal ou sintoma de agravo à saúde, o mais breve possível. Para cada faixa etária, um tipo de especialidade é indicada (veja quadro). Diferentemente das mulheres, os homens têm certa resistência quando o assunto é cuidar da saúde e frequentar um médico regularmente para fazer exames de prevenção. Por essas e outras, na casa de Helena é ela quem arrasta o marido e os três filhos para consultas regulares.
A professora de educação física aposentada Matilde Pereira Borges, de 64 anos, é do time dos que nunca se descuidam da saúde. Desde os 20 anos, visita regularmente médicos das mais diversas especialidades com foco na prevenção. "Sempre fui preocupada com isso. Nunca esperei ficar doente para ir ao consultório. Perdi minha mãe com câncer e acho que isso me fez ficar mais alerta." Esbanjando saúde, Matilde conta orgulhosa que não toma nenhuma medicação, apenas cálcio como complemento nutricional, e é vigilante com atividade física e alimentação.
Todos os agravos à saúde podem e devem ser diagnosticados precocemente, das doenças infeciosas até as doenças psiquiátricas. Para isso, é fundamental confiar em um médico. "O diagnóstico precoce é importante, sobretudo de doenças malignas, infecciosas, autoimunes, cardiovasculares, degenerativas, problemas da visão e da audição, distúrbios metabólicos e hormonais, transtornos psiquiátricos e todos que possam incorrer em urgência e emergência levando risco iminente de morte ou perda de função", explica o médico Leonardo Reis.
Todo mundo sabe que check ups são muito importantes, mas poucos são os que mantêm esse hábito. "As pessoas têm o hábito de se automedicar ou procurar uma solução rápida para o problema com familiares, vizinhos e até no Google. O que acontece é que isso pode acarretar um problema sério posteriormente", explica o médico Aier Adriano Costa, coordenador da equipe médica do Docway, plataforma on-line que promete unir médicos independentes a pacientes que estão em busca de auxílio profissional. 

 

(Rosane Rodrigues da Cunha/Assessora de Comunicação - Cremego 05/02/18)

 

 
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner
Banner

© PORTAL MÉDICO 2016 - o site do Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás -Todos os direitos reservados
Rua T - 28 N° 245 - Qd. 24 - Lote 19 E 20 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-040 | Fone: (62) 3250-4900 | Fax: (62) 3250-4949 | E-mail - cremego@cremego.org.br
Entrada de Eventos - Rua T-27 Nº 148 - Qd 24 - Lote 12 E 13 - Setor Bueno - Goiânia - GO | Cep: 74210-030 | Horário de funcionamento: Segunda a Sexta - 08h00 às 18h00